Bruno Fagundes : “As pessoas ainda apanham e morrem simplesmente por serem gays. E nós precisamos falar disso!”

Em cartaz com um dos espetáculos mais festejados da atual temporada, Bruno Fagundes tem motivos pra comemorar. Hoje ele percebe que valeu à pena ter levado adiante esse que talvez seja, até o momento, o maior desafio de sua carreira. A peça “A Herança”, idealizada e produzida por ele e Zé Henrique de Paula, estreou em São Paulo, e foi aplaudida de pé em sessões lotadas durante os seis meses em que esteve na capital paulista.

Há duas semanas o espetáculo estreou no Rio de Janeiro, e o sucesso vem se repetindo. Além do próprio Bruno Fagundes, o elenco conta com mais onze atores, incluindo alguns nomes conhecidos do grande público, como Reynaldo Gianecchini, Rafael Primot e Marco Antônio Pâmio.

“A Herança” que foi um grande sucesso na Broadway, chegou a ser premiada com 4 Tony Awards, incluindo Melhor Peça. Com uma temática bastante pertinente, a peça aborda de forma madura e delicada as vivências e angústias vividas por membros da comunidade Lgbtqiapn+.

“Nós precisamos tirar esse assunto da marginalidade. A gente tem que trazer esse assunto pra nossa conversa diária, porque ainda hoje pessoas são espancadas e mortas só pelo fato de serem gays. Nós temos que falar disso”, revela o ator e produtor.

É uma grande produção, mas Bruno e Zé Henrique não desistiram. “Eu poderia ter optado por algum espetáculo alternativo, ou até mais comercial. Talvez eu conseguisse reduzir custos e ter mais tranquilidade; mas não era o que eu queria”, diz Bruno Fagundes.

Na semana em que a peça estreou no Rio (onde fica somente até 21 de outubro), nós estivemos no Teatro Clara Nunes e fomos recebidos pelo querido Bruno, que falou sobre o desafio de montar um espetáculo dessa magnitude e da satisfação por levar ao público reflexões pertinentes à nossa atualidade. (vídeo abaixo)

*link para compra de ingressos >>> https://bileto.sympla.com.br/event/85851/d/211396

Reportagem e imagens de vídeo : Léo Uliana

Foto “Bruno”: arquivo pessoal

(Visited 34 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *